Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais encerra seminário em Uberlândia

O projeto “Investimento atrai Investimento”, realizado nos dias 19 e 20 de agosto, em Uberlândia, trouxe à cidade investidores e empresários de todos os setores da economia dos principais estados brasileiros. O evento que contou com a participação de vários setores, foi o piloto de uma série que ainda vai acontecer em Araguari nos dias 15 e 16 de outubro, e em Tupaciguara, aguardando datas para outras sete cidades do Triângulo e Alto Paranaíba.

Um dos pontos altos do encontro foi a palestra magna do ex-ministro do Trabalho e do Planejamento e Orçamento no governo FHC e professor da Fundação Dom Cabral, Paulo Paiva. Ele discursou para centenas de participantes e explicou o cenário econômico, fazendo menção aos desafios do crescimento, na ascensão que vem sendo apresentada depois da crise de 2008, num abalo que assustou o mercado internacional. O palestrante discorreu também sobre um tema importante da economia, onde a classe C está ganhando poder de força e entrando como fator preponderante na balança comercial brasileira.

Outros temas foram abordados e os participantes do seminário saíram satisfeitos com aquilo que disse o ex-ministro, estando todos agora prospectando os seus negócios. No seminário as empresas tiveram também oportunidade de mostrar os seus produtos e foram várias as novidades e lançamentos das indústrias de produtos e serviços da região.

O encerramento

O grande encerramento aconteceu na noite do dia 20, quando centenas de empresários e seus familiares foram ao Center Convention, onde assistiram as solenidades homenageando empresários de todos os setores que foram honrados pela FIEMG Regional Vale do Paranaíba, presidida pelo empresário Pedro Lacerda.

As homenagens constam da programação dos 80 anos da entidade e foram lembrados os homenageados que partiram para a morada eterna e outros que ainda estão demonstrando suas forças no mercado industrial do Triângulo e Alto Paranaíba. Em homenagem póstuma foram lembrados: Benjamin Venâncio de Melo; Lauro Teixeira; Mário Rezende Ribeiro; Anésio Pereira de Rezende; Wilson Rodrigues da Silva; Cícero Naves de Ávila; Antônio Carneiro Albuquerque; Alcione Zago; Ernesto Finotti; Genésio de Melo Pereira; Osmar Carrijo; Evaldo Vilela Ribeiro; Saul Vilela Marquez; Jayme Tannus; Fábio Vilela da Silva e Mário Grossi.

Ainda atuantes no meio empresarial receberam seus diplomas os industriais ou representantes: Osmar Junqueira de Freitas, José Rodrigues da Silva, Nicolau Sulzbeck, Luiz Alberto Garcia, Luiz Alfredo Massaro, Plínio Carneiro, Silvio Cunha Vasconcelos, Roque Bridi, Luiz Fernando Pucci, John Simão, Amaury Cherulli, Pedro José do Nascimento Machado, Paulo Sérgio Ferreira, Arnaldo José Frizzo Filho, Décio Carmona, Sérgio Moro, Lincoln Gonçalves Fernandes, Dorovaldo Rodrigues Júnior, Luiz Arthur Meinberg dos Santos, Pedro José Lacerda do Nascimento, Rubens de Freitas Filho, Osvaldo Teixeira, Paulo Roberto Sampaio, Luiz Mário Gomes de Moura, Luiz Alexandre Garcia, Lázaro dos Reis Magalhães, Onofre Siqueira, Rubens Martins de Araújo, Maria Cecília Pereira Mendonça, Sérgio Henrique Feres Tannús e José Alves Ferreira Filho.

A solenidade

 

A mesa que presidiu a sessão foi composta pelo prefeito de Uberlândia, Gilmar Machado; Olavo Machado Júnior, presidente do Sistema Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais; Pedro Lacerda, presidente da FIEMG Regional Vale do Paranaíba; Tenente Lúcio, deputado estadual; Marcio Nobre, presidente da Câmara Municipal de Uberlândia; Júlio César Pereira, 1º vice-presidente do Sindicato Rural de Uberlândia; Celso Vilela, presidente da CDL; Professor Neivaldo, líder do governo municipal na Câmara de vereadores; Samuel Barreto, delegado chefe do 9º Departamento de Polícia Civil; Carlos José Rocha Lima, comandante do 36º BIMtz e Dilmar Fernandes Crovato, comandante da 9ª RPM.

Foram entregues os diplomas e lembranças pelos 80 anos da FIEMG aos empresários que foram destaques em suas atividades e homenageados em oportunidades diversas.

Pedro Lacerda

 

À Dystak’s o presidente da FIEMG Regional Vale do Paranaíba, Pedro Lacerda, falou como foi mostrar o PIB Regional durante o Seminário. “Foi muito gratificante porque estamos oportunizando o mercado para as empresas da região. Nós estamos aqui mostrando os grandes investimentos que estão acontecendo, algo em torno de R$16,8 milhões, portanto temos que tentar ao máximo reter esses investimentos ao sermos fornecedores dessas grandes empresas que aqui estão investindo. Para nós realmente foi gratificante, nós estamos aqui gerando riquezas, gerando empregos e fortalecendo o nosso mercado. Acho que é uma função de qualquer entidade classista defender seus associados nessa questão e esse é o nosso papel, o papel da FIEMG. Estamos tentando executá-lo com a máxima presteza”.

Sobre as presenças, Lacerda afirmou que vieram empresários investidores e secretários do estado do Tocantins e de Goiás, além de prefeitos da região para saber realmente o que eles têm de fazer para reter e facilitar o investimento em suas regiões. “Nós tivemos representantes de três microrregiões da AMAPAR, AMVALE e da AMVAP que são associações de microrregiões de prefeitos aqui da nossa região, do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba. Vieram ainda representando os seus estados e logicamente pessoas de todo o Brasil, inclusive de São Paulo, Rio de Janeiro e sul do país, que apresentaram palestras e conheceram o potencial sócio econômico do Brasil Central, região a qual pertencemos”.

Encerrando, Pedro Lacerda afirmou ainda que ao completar 80 anos a FIEMG celebra com várias festividades. “Estamos fazendo as festividades e uma delas em parceria com a Câmara Municipal, resolvemos homenagear os empresários da nossa região de Uberlândia e Araguari, que já foram méritos industriais, então a Câmara Municipal aceitou a nossa solicitação e está concedendo um diploma de Honra ao Mérito a quem construiu a história da Federação das Indústrias nesses 80 anos aqui na nossa região. O PIB do Triângulo está aqui bem representado. Agradeço a Dystak’s e a todos pelo apoio que nos é dado nos nossos momentos de realizações”, enfatizou Lacerda.

O presidente

 

“Esse que parece ser um seminário de Uberlândia para Uberlândia é muito maior do que nós pensamos porque é um seminário muito importante para Minas Gerais como um todo. Acho que o Pedro Lacerda teve a ousadia de fazer um evento do tamanho de Uberlândia, um evento forte e que nos mostrou vários caminhos e acredito que nós da FIEMG aprendendo aqui, podemos multiplicar isso para todo o estado de Minas Gerais. Esta foi mais uma semente, uma ideia, uma criação. Foi o que vi aqui, especialmente quando sabemos que esse solo é muito fértil, onde tudo que se planta dá, então acho que nós temos uma boa semente aqui, aprendemos muito, vimos justamente a integração que o Triângulo proporciona, como as prefeituras interagem e como estamos todos voltados para procurar o desenvolvimento para essa região. Minas Gerais vai mais uma vez à reboque do Triângulo para fazermos a mesma coisa nas outras regiões”, encerrou o Dr. Olavo Machado Júnior, presidente da FIEMG/MG.

O Seminário de Uberlândia, uma realização da FIEMG Regional Vale do Paranaíba, com organização da Pool Comunicação, foi encerrado e agora o empresário Humberto Paes Leme está agilizando para os demais eventos regionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>