Dreste Construtora passa por mais uma auditoria externa em seu Sistema de Gestão da Qualidade

Nos dias 19 e 20 de fevereiro de 2013 a Auditora Engenheira Flávia Santos Pimenta esteve em Uberlândia para realizar mais uma auditoria externa no Sistema de Gestão da Qualidade da Dreste Construtora. À reportagem da Dystak’s ela adiantou que “este é um trabalho periódico e como vocês podem notar, estamos realizando no momento a verificação da produção de massa asfáltica na usina da empresa que fica no Distrito Industrial”. Este é mais um acompanhamento do Sistema de Gestão da Qualidade empregado para as empresas que tem uma ISO 9001:2008 e o PBQP-H (Programa Brasileiro de Qualidade e Produtividade do Habitat) este último destinado somente às empresas na área da construção civil. A ISO é Internacional e PBQP-H é um programa de certificação do Governo Federal, com o intuito de organizar o setor da construção civil. O relatório final desta auditoria externa aponta que a Dreste está atuando com eficácia em seu SGQ e principalmente fornecendo aos seus clientes uma massa asfáltica com qualidade e com padrões exigidos por normas vigentes, sempre focando na melhoria contínua e satisfação de seus clientes.
“Eu já venho acompanhando a equipe da Dreste há três anos e tenho observado a evolução e a melhoria de todo o sistema. Está havendo um comprometimento muito grande de seus colaboradores e isto sem dúvida mantém a certificação e os resultados esperados pela diretoria. A equipe da Dreste está trabalhando dentro dos padrões exigidos pelas normas e isto nos deixa contente quanto à manutenção da certificação conquistada há vários anos. Tudo aqui está mais desenvolvido e isto nos envaidece por saber que todos cumprem as metas traçadas em conjunto e esta ideia contínua sempre fortalece os trabalhos e a melhor produção de uma indústria”, enfatizou a engenheira.
Sobre os benefícios e a manutenção de uma certificação, segundo a auditora Flávia Santos Pimenta, especialmente na construção civil, seria evitar desperdício, padronizar seus processos, evitar desvios de materiais, modernizar seus processos e existem empresas que até o setor financeiro é colocado no Sistema de Gestão da Qualidade. É uma forma de melhorar os processos, forma de construção e diminuir custos. A auditora afirma que no início o investimento é considerado alto, mas com o decorrer do tempo tudo é diluído e os custos baixam, mas os benefícios são muitos e a participação da direção é importante na cobrança junto aos colaboradores da empresa.

Os anfitriões

Na usina de asfalto da Construtora a auditora foi recebida pelo engenheiro Marcos Franco de Oliveira; o técnico laboratorista Roberto Fernandes; o operador de máquinas Marcos Antônio Pereira dos Santos e a coordenadora do sistema da qualidade da Dreste Alice Vaz Bernardes.
Todos estiveram presentes durante a auditoria na usina da Dreste e transmitiram à Dra. Flávia Santos Pimenta a segurança na manutenção do SGQ e as melhorias realizadas no sistema desde 2010, quando a Dreste foi certificada pela primeira vez.

Dreste Construtora

A Dreste Construtora foi constituída em 1º de julho de 1987 por um grupo de engenheiros cuja maioria ainda está à frente da empresa, que tem apresentado um crescimento e transformando o ramo da construção civil nos empreendimentos de sua responsabilidade, seja no serviço público ou privado.
Hoje a direção da empresa se orgulha por ter o seu nome gravado em obras de pavimentação asfáltica, terraplenagem, saneamento básico, industriais, comerciais, infraestrutura e obras de artes especiais nos estados de Minas, Goiás, Mato Grosso, Maranhão e São Paulo, além de suas participações em trabalhos de consórcios em todo o Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *