36º BIMtz e a sociedade uberlandense receberam o novo comandante  

36BIMtz6430slider

Na noite do dia três de dezembro o chefe de Assuntos Estratégicos do Ministério da Defesa (MD), general Gerson Menandro Garcia de Freitas, que comandou o 36º BIMtz, no período de 1999 a 2001, presidiu a solenidade da passagem do comando do tenente coronel Carlos José Rocha Lima para o tenente coronel Alexandre Matias Castro.

A cerimônia foi marcada pelas honras da tropa do Exército Brasileiro, que contemplou os convidados com o descerramento da foto do ex-comandante, na galeria de fotos do Batalhão às 19h30 e com a apresentação da tropa ao novo comandante. As famílias dos tenentes coronéis marcaram presença, junto com os amigos, as principais autoridades do município e representantes das entidades classistas, que compareceram para se despedirem do ten.cel. Rocha Lima e receberem, o novo comandante, ten. cel. Castro.

A despedida

Rocha Lima nasceu na cidade de Souza na Paraíba e foi criado em Fortaleza – Ceará. Construiu uma carreira sólida no EB e antes de vir para a cidade, ele estava em Fortaleza, na 10ª Região Militar. O tenente coronel assumiu o comando do 36º BIMtz em 19 de dezembro de 2012, e agora em 2014 deixou Uberlândia, com uma boa reputação perante a sociedade e muitos amigos, devido ao bom relacionamento e ao respeito que conquistou durante sua atuação na unidade do município. Ele foi transferido para o Comando de Operações Terrestres, localizado em Brasília e foi convidado a participar da Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti, no período de abril de 2015 a março de 2016.

O ex-comandante emocionado ao se despedir, afirmou a Dystak’s: “estamos chegando a essa caminhada com os objetivos que tracei, dentro da legalidade, pautado nos dois pilares da força, que são: a hierarquia e a disciplina, e recebendo o apoio do escalão superior, passando para os subordinados, a nossa motivação e as nossas diretrizes de comando. Então eu saio de Uberlândia, com três sentimentos: o primeiro sentimento é o de dever cumprido, daquilo que me propus a fazer e consegui conquistar; o segundo sentimento muito forte é o de gratidão, pela cidade e pelas pessoas maravilhosas dessa cidade, que receberam a mim e a minha família de braços abertos, e o terceiro, é consequência do segundo, que é o sentimento de saudade, porque a partir de agora, eu não estarei mais no município, deixando muitos amigos”.

Agradecimento

Agradeço primeiro a Deus, pela saúde, motivação e por tudo que ele me deixou fazer, agradeço também, a minha família, minha esposa Mary e meus filhos: Matheus e Sophia, pela compreensão na minha ausência por longos momentos e por sempre me apoiarem nas minhas decisões. Faço agradecimentos ainda, aos meus comandados, iniciando pelo meu subcomandante, o tenente coronel Paulo André Veras e todos os oficiais do meu Estado Maior, os oficiais e comandantes de pelotão, os subtenentes e sargentos, alunos do NPOR, cabos e soldados. E não poderia deixar de agradecer, a sociedade uberlandense, iniciando pelo nosso G7(grupo que reúne ACIUB, OAB, FIEMG, CDL, Sociedade Médica, Sindicato Rural e Conselho de Veneráveis), a prefeitura e os órgãos de segurança pública, constituídos pelas polícias, Civil, Militar, Federal, Bombeiros. E não poderia deixar de agradecer aos empresários locais que sempre me prestigiaram, os grandes grupos lojistas, bancários e a imprensa. Aproveito a oportunidade para dar as boas vindas ao novo comandante, o tenente coronel Alexandre de Castro Matias e ao seu subcomandante, o major Victor Hugo Gondin de Souza.

O novo comandante

Alexandre de Castro Matias, tenente coronel do Exército Brasileiro, é natural de Campo Grande – Mato Grosso do Sul. É filho de José Artur Matias e Adalbanir de Castro Matias. Casado com Paula Guimarães Zardo Matias, com quem tem dois filhos, Rafael Zardo Matias, de treze anos e o Guilherme Zardo Matias, com oito anos de idade.

O atual comandante, foi criado em Brasília, e teve a oportunidade de ingressar no Colégio Militar, aos onze anos de idade, cursando todo o ensino fundamental e médio, nessa instituição. Em seguida ingressou na Academia Militar das Agulhas Negras, em 1990, se formando em 1993. Posteriormente fez os cursos regulares do EB e por último servia como oficial de Gabinete do comandante do Exército Brasileiro em Brasília (DF). Após 24 anos de serviços na instituição, foi nomeado a comandar o 36º BIMtz, vindo exclusivamente para assumir o comando dessa unidade em Uberlândia.

 “Desde o momento em que fui nomeado para comandar 36º, situação que aconteceu em 14 de maio desse ano, eu me senti extremamente honrado, e distinguido pelo EB, por ter sido selecionado, principalmente por ser uma corporação que tem grande relevância dentro do Exército Brasileiro. É um Batalhão tradicional, tem força de ação rápida, que o torna uma unidade de elite, e para essa gestão, temos como proposta manter a operacionalidade existente, buscando dar continuidade à integração que há com a sociedade do município. Outro motivo de muita honra é o fato de vir para uma cidade pujante como Uberlândia, principalmente por ser um local onde a comunidade tem um relacionamento tão estreito com o Exército. Essa nova jornada será um grande desafio, mas daqueles que a gente gosta de enfrentar e com certeza, eu e minha família, seremos muito felizes aqui”, afirmou o tenente coronel Castro que agora comanda cerca de 800 homens, no 36º Batalhão de Infantaria Motorizado.

Ex-comandantes

3ª/6º Batalhão de Caçadores:

Major Rech: 10/09/1962 a 30/12/1966; major Emílio: 30/12/1966 a 20/03/1968 e major Jacques: 21/03/1968 a 15/07/1968.

36º Batalhão de Infantaria Motorizado:

Coronel Leight: 16/07/1968 a 29/01/1971; tenente coronel Murilo: 30/01/1971 a 12/02/1973; coronel Bellegard: 13/02/1973 a 06/02/1975; coronel Vaz de Mello: 07/02/1975 a 13/07/1977; coronel Francisco: 14/07/1977 a 23/01/1980; tenente coronel Shiavinatto: 24/01/1980 a 30/01/1982; coronel Zanferdini: 31/01/1982 a 03/02/1984; coronel Roncada: 04/02/1984 a 04/02/1986; coronel Serra: 05/02/1986 a 05/02/1988; coronel Carvalho Dias: 06/02/1988 a 24/01/1990; coronel Madruga: 25/01/1990 a 14/01/1992; coronel Peixoto dos Santos: 15/01/1992 a 14/01/1994; coronel Barros: 15/01/1994 a 25/01/1996; coronel Teotônio: 26/01/1996 a 29/01/1999; coronel Menandro: 30/01/1999 a 19/01/2001; coronel Carneiro: 20/01/2001 a 17/01/2003; coronel Raul: 18/01/2003 a 22/12/2004; tenente coronel Cunha: 23/12/2004 a 12/01/2007; coronel Albino: 12/01/2007 a 09/01/2009; coronel Leite: 10/01/2009 a 07/01/2011; tenente coronel André Marcos Gueiros Taulois: 07/01/2010 a 19/12/2012; tenente coronel Carlos José Rocha Lima: 19/12/2012 a 03/12/2014 e o tenente coronel Alexandre Matias Castro assumiu o comando em 03/12/2014.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *