Odelmo comemora 30 anos do Parque do Sabiá inaugurando a sede própria da FUTEL

Inaugurado em 7 de novembro de 1982, o Parque do Sabiá estará completando 30 anos no dia 7 de novembro de 2012. Em 30 anos muitas coisas aconteceram e hoje o conforto do Parque é sem dúvida nenhuma, extraordinário, e oferece o que há de melhor para os freqüentadores, turistas e pessoas ligadas à área desportiva como um todo. A solenidade de inauguração da sede da FUTEL – Fundação Uberlandense de Turismo, Esporte e Lazer aconteceu no dia 31 de agosto, data do aniversário de 124 anos de Uberlândia, com as presenças do prefeito Odelmo Leão, vereadores, deputados e outras autoridades.

O Parque do Sabiá faz parte do Parque Municipal Virgílio Galassi, que engloba também o Estádio Municipal João Havelange, a Arena Presidente Tancredo Neves (Sabiazinho) e o Parque Aquático, ainda em construção. Conhecido como o Pulmão verde de Uberlândia, o Complexo possui uma área total de 1.850.000m² e oferece à população um bosque de 350.000m², um zoológico com dezenas de espécies, um aquário recém reformado (entregue juntamente com a sede da FUTEL) com 36 espécies diferentes de peixes, um parque infantil e várias outras atrações, que despertam atenção do grande público.

Autor da ideia da construção do Estádio e do Parque, o saudoso ex-prefeito Virgílio Galassi contou com a ajuda dos amigos Paulo Ferolla da Silva, Mário Borges, Cícero Diniz, Cícero Naves, Bádue Morum Bernardino e muitos outros que contribuíram na comissão para que Uberlândia tivesse um local apropriado para o desporto, mas sinceramente todos não esperavam o que é hoje o empreendimento desportivo.

Numa conversa com um dos abnegados homens do esporte, política, serviço público e atuante na área social, o Dr. Bádue nos explicou as participações de cada membro e concordou em afirmar que tem gente que acaba passando esquecida, mas que todos foram de grande importância. Em entrevista exclusiva, um dos braços direitos do ex-prefeito Virgílio Galassi afirmou que “sobre o Parque do Sabiá, é necessário recordarmos, que Virgílio acabara de se eleger prefeito de Uberlândia, mandato tampão 71/72, quando ficou me conhecendo através do amigo Paulo Ferolla e em seguida, fez convite para que eu integrasse sua equipe de trabalho na função de seu chefe de gabinete. Muito honrado, aceitei e com dedicação e desenvoltura penso que contribuí para o bom êxito daquela administração. Da maior importância, testemunhei neste período o grande empenho do Prefeito Virgílio Galassi na conquista de um parque de lazer para a família do trabalhador uberlandense, sendo que após estudos e projeções, o prefeito Virgílio Galassi junto de sua equipe de trabalho comemorou a aprovação pela Câmara Municipal de Uberlândia de seu projeto de lei criando o Parque do Sabiá: Lei nº. 1925 de 28 de Junho de 1971 há exatamente 41 anos, ficando assim concretizado o sonho de Virgílio Galassi e seus leais amigos e companheiros Paulo Ferolla e Cícero Diniz. A semente estava lançada”.

E quando terminou o mandato tampão. A coisa não desandou?

Que nada! O grupo do Virgílio voltou a comandar a cidade com a eleição de 76, e gestão 77/82, tempo abençoado de sucessivas vitórias e realizações para Uberlândia. O prefeito Virgílio Galassi, com vários atos administrativos e visando a implantação do complexo do Parque Municipal, enviou para a Câmara Municipal o Projeto de Lei propondo a criação da FUTEL – Fundação Uberlandense de Turismo Esporte e Lazer que iria gerir as obras do Estádio e do Parque de Lazer, sendo aprovado por unanimidade na Câmara Municipal e se transformando na Lei nº 2759 de 27 de Março de 1978, e pelo Decreto 1525 de 03 de Maio de 1978 aprovava o Estatuto da FUTEL que estabelecia normas de procedimento e observância da Lei.

E depois das aprovações da Câmara e transformações em leis?

Em seguida, por meio de um decreto, o prefeito Virgílio Galassi nomeou a primeira Diretoria da FUTEL: Diretor Geral – Paulo Ferolla da Silva; Diretor Técnico – Cícero Alves Diniz e Diretor Administrativo Bádue Morum Bernardino. O Conselho Fiscal ficou assim constituído: Cícero Naves de Ávila, Dr. Carlos Vilela Júnior e Mário Borges de Oliveira, tendo como suplentes: Dr. Fábio Borges da Cunha, Juracy Junqueira de Rezende e Dr. Antônio Jorge Tannús. Dentre as dificuldades normais existentes na administração pública municipal, deparamos com a presença de um invasor na região do Parque, precisamente onde se localizava o manancial do Glória que fez parte da história de Uberlândia fornecendo água para a população por um longo período. Foi através do departamento jurídico da Secretaria Municipal de Governo, chefiado pelo advogado Dr. Natal Felice em ação de reintegração de posse, que conseguimos em tempo recorde devolver ao patrimônio do município a referida área invadida, possibilitando assim o início das obras do Parque de Lazer que caminharia simultaneamente com as obras do Estádio.

O senhor destacaria isto como fundamental?

Justo e necessário destacar na nossa Secretaria Municipal de Governo a atuação excepcional do seu departamento jurídico, na pessoa do saudoso amigo e companheiro Dr. Natal Felice, advogado, que com inteligência e profundo conhecedor do direito atendia a todas as solicitações do senhor prefeito municipal com extrema dedicação em menor tempo possível, sendo responsável pela elaboração do projeto de lei que criava a FUTEL, e igualmente responsável pela elaboração do estatuto dessa fundação.

O Parque, hoje com muita felicidade denominado Parque Municipal Virgílio Galassi, fruto dos esforços do próprio prefeito e seus incansáveis amigos e companheiros Paulo Ferolla e Cícero Diniz, foi uma valiosa conquista e monumental presente à família uberlandense e nessa oportunidade devemos reconhecer o apoio total da egrégia Câmara dos Vereadores de Uberlândia, da Polícia Militar na pessoa do saudoso Capitão Pedro Caetano, do Poder Judiciário da Comarca de Uberlândia, e a decisiva participação de nossa gente, o querido povo de Uberlândia.

Honrado e feliz agradeço a Deus pelo privilégio de ter participado nesta administração de Virgílio Galassi, que primou pelo desenvolvimento socioeconômico e Cultural da cidade de Uberlândia que tanto amamos.

E assim sintetizou Dr. Bádue Morum Bernardino, ex-secretário de governo na administração Virgílio Galassi, ex-diretor da equipe de futebol do Rio Branco, ex-fiscal da Receita e atualmente cuidando dos empreendimentos particulares, amando a família e sempre em contato com os amigos que conquistou ao longo dos anos.

Novos empreendimentos

Após a inauguração do Estádio Municipal João Havelange, em 27 de maio de 1982, foi inaugurado o Parque do Sabiá, hoje nominado Parque Municipal Virgílio Galassi, em 7 de novembro de 1982, a Arena Multiuso do Sabiazinho, em 9 de outubro de 2007 e agora estão sendo atacadas as obras de construção do Parque Aquático, cuja empreiteira LJ Construtora promete entregar as obras até o final do ano, pelo contrato estabelecido com o município.

Assim o uberlandense ou os uberlandinos têm muito a comemorar, pois o pulmão verde de Uberlândia estará completando 30 anos de fundação, no dia 7 de novembro de 2012.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *